Blog sobre gravidez, maternidade e família.

Introdução alimentar após os 6 meses (e sem pressa)

Posted by on fev. 5, 2016 in Alimentação, Bebê, Destaques, Vida do bebê | 0 comments

Introdução alimentar após os 6 meses (e sem pressa)

Muito se fala em amamentação até 6 meses e introdução de alimentação sólida após esse período, mas é importante saber que o Leite Materno continua sendo a principal fonte de energia até 1 ano de idade, sendo necessário complementar com alimentos, se assim for possível.

De acordo com o site da UNICEF:

“Apesar de as crianças, após completarem seis meses de vida, precisarem de outros alimentos, o leite materno continua sendo uma importante fonte de energia, proteína e outros nutrientes, como vitamina A e ferro. O leite materno ajuda a prevenir doenças enquanto for consumido.

A partir do sexto mês de vida, a criança deve mamar antes de consumir outro alimento para que ingira a quantidade necessária de leite materno. A dieta da criança deve incluir verduras descascadas, cozidas e amassadas; grãos, legumes e óleos, bem como peixe, ovos, frango, carne e derivados de leite, que são fontes de vitaminas e minerais.”

Para a grande maioria da população que trabalha fora e tem apenas 4 meses de licença maternidade, essa ‘nutrição adequada’ se torna praticamente impossível de ser seguida.

Apesar dessa orientação da UNICEF de ter a mamada antes da alimentação, as pediatras sempre me orientaram a fazer no intervalo ou antes da mamada. Vale a pena conversar com o seu médico. 

Leia Mais

A hora de ir para a escola chegou! A adaptação aos 3 anos

Posted by on jan. 30, 2016 in Destaques, Educação, Escola | 0 comments

A hora de ir para a escola chegou! A adaptação aos 3 anos

Com a minha primeira filha, Bruna, foi bem diferente. Aos 4 meses e meio ela começou a frequentar o berçário e essa separação quando nós, mães, precisamos voltar ao trabalho com um bebê pequeno é muito mais dolorida.

Aos 9 meses dela parei de trabalhar e ela voltou a ficar comigo em casa.

Às vésperas da Clara nascer, a Bruna começou de vez a vidinha escolar dela, com apenas 2 anos e 2 meses. Não foi uma adaptação difícil quando chegava na escola, mas pra sair de casa às vezes era um sufoco. Ela deitava debaixo do carrinho, debaixo da mesa, mas era só sair de casa que ela ia feliz pra escola. (Também, a irmã havia acabado de nascer e ela via que eu ia ficar em casa com ela). Nos mudamos depois de 2 anos, e ela fez novamente uma adaptação.

Tudo para o mais velho é mais difícil né? Eles que desbravam, que descobrem, que tem a primeira experiência de escola, de ir na casa do amigo, de dormir fora, de pedir pra passear (depois de sair a noite, de ir pra balada, e por ai vai). Os irmãos vem atrás e acabam surfando na mesma onda, observando e aprendendo.

Leia Mais

Aniversário Frozen Fever da Lala – fotos e dicas

Posted by on jan. 25, 2016 in Destaques | 0 comments

Aniversário Frozen Fever da Lala – fotos e dicas

Se tem uma coisa que gostamos de fazer é festa em casa. Todo mundo fica mais a vontade, tem estrutura para crianças e bebês e dá pra fazer uma festa mais simples ou mais elaborada, dependendo do que você precisa.

Esse aniversário da Clara foi feito em 5 dias e só funcionou porque encontrei pessoas dispostas a fazer dar certo (pegando encomenda para 3 ou 4 dias), e tive também o apoio da minha irmã que trouxe algumas coisas de Minas. Um agradecimento especial a Thati que me indicou vários fornecedores em Campinas.

A Clara pediu uma festa Frozen, mas como a festa da Bruna de 4 anos já havia sido desse tema (como mostrei em alguns posts aqui), tivemos a idéia de fazer o tema de Frozen Fever “Aniversário da Anna” e assim a decoração ficaria totalmente diferente. Não poderia ter sido mais perfeito, já que estamos no verão e a Clara ama “ser a Anna” (a Bru é a Elsa… kkk)

DECORAÇÃO

O curta-metragem tem muitos girassóis e diferente do filme Frozen onde quase tudo era baseado em azul e neve, dá pra explorar bastante as cores.

Leia Mais

O que mandar na lancheira e como diversificar o cardápio das crianças no lanche da escola

Posted by on jan. 20, 2016 in Destaques | 0 comments

O que mandar na lancheira e como diversificar o cardápio das crianças no lanche da escola

Nos 2 primeiros anos escolares da Bruna eu não precisei me preocupar com o lanche, pois a escola mesmo preparava. Tinha o lado bom e o ruim: era mais prático não ter que me preocupar com isso mas eu não escolhia o que a minha filha iria comer e quase sempre as bolachas adoçadas ou bolo estavam inclusas no cardápio.

Se você é como eu, que gosta de praticidade mas não gosta de oferecer produtos prontos e adoçados,  cheios de aditivos e conservantes, continue lendo. Se você acha que não tem nada demais oferecer biscoito recheado, refrigerante e salgadinho, veja o post Muito além do peso… os maus hábitos alimentares e a obesidade infantil.

Pra começar, vou separar alguns alimentos em 5 grupos:

Leia Mais

5 meses de cama compartilhada e co-spleeper… Do quarto da mamãe para o berço

Posted by on jan. 15, 2016 in Bebê, Destaques, Vida do bebê | 0 comments

5 meses de cama compartilhada e co-spleeper… Do quarto da mamãe para o berço

Ter 3 filhas tem algumas vantagens e uma delas é que posso fazer de um jeito com uma, de outro com outra e repensar como quero fazer com a terceira.

Quando engravidei da Bruna tinha muita influência de pessoas que acreditavam que “não pode deixar mal acostumada”, “tem que dormir no berço” e as poucas vezes que ela dormiu na nossa cama foi quando estava doente. Morávamos em um Loft, então apesar de estar no berço dela, ele ficava no nosso quarto então ficávamos bem pertinho. Nunca foi sofrido, mas amamentar e cochilar de madrugada era no esquema: poltrona de amamentação no cantinho, pernas elevadas e almofada de amamentação. Assim se eu cochilasse (o que é muito comum com mães que amamentam de madrugada), ela não caía. A Bruna era o bebê típico que dorme no peito e quando íamos colocar no berço, acordava e chorava. Voltava pro colo, peito, e eu não sabia muito bem como acalmá-la direto no berço. Com 6 meses nos mudamos para um apartamento maior e como ela já estava acostumada com o berço, se saiu super bem no novo quarto. Parei de amamenta-la a noite aos 10 meses e meio e ela dormia sozinha tranquilamente. Aos 2 anos a colocamos na cama. No início foi tranquilo, até que ela aprendeu a falar “não quero dormir agora”. E não tinha mais volta, aos 2 anos e 2 meses dela a Clara chegou.

Com a Clara fiz diferente. Aquela rotina de amamentar a noite era puxada e cansativa, então do carrinho ela foi para a minha cama. No início (aprox 1 mês), ela ficou no “QG” que montei na minha cama (uma almofada anti-refluxo forrada com rolinho).

Leia Mais

Organizando a casa: novas caixas para guardar a árvore e enfeites de Natal

Posted by on jan. 13, 2016 in Casa, Destaques, Organização | 0 comments

Organizando a casa: novas caixas para guardar a árvore e enfeites de Natal

Eu e meu marido nos mudamos para nosso primeiro apartamento em 2008 e fizemos questão de comprar uma árvore de natal.

Na primeira vez (aquela euforia) eu tirei tudo das embalagens sem muito cuidado e sem lembrar que eu teria que guardar tudo novamente (e por vários anos). E essa montagem já aconteceu 8 vezes. Tivemos 3 endereços e aquela caixa enorme de papelão nos acompanhou esse tempo todo. Os enfeites soltos já passaram de caixinhas para sacolas em malas, depois para outras caixas.

Leia Mais

A descoberta da alergia alimentar da Alice (a ovo) antes mesmo da introdução da alimentação sólida

Posted by on jan. 12, 2016 in Alimentação, Destaques, Saúde, Vida do bebê | 0 comments

A descoberta da alergia alimentar da Alice (a ovo) antes mesmo da introdução da alimentação sólida

Quem me acompanha aqui no blog viu que há alguns dias postei sobre a reação que a Alice teve quando a peguei com as mãos levemente sujas de farinha de trigo, ovo e corante. Ela teve uma irritação na pele por contato e acreditei que o corante era ingrediente mais provável, mas eu estava enganada.

Revendo as fotos eu vi que depois de mexer com o corante eu recheei a massa que meu marido estava fazendo com a gema, e claro, tive bastante com a clara do ovo nas mãos. Mesmo lavando rapidamente, peguei a Alice depois de 15 min e a reação foi essa:

Leia Mais
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.