Vira e mexe recebo comentários no meu vídeo no YouTube (YouTube.com/analumasi) sobre o preenchimento nas olheiras com ácido hialurônico. Algumas pessoas tem dúvidas se realmente fez efeito, se já passou e o mais recente, como ficou depois de 1 ano.

Para quem não sabe, o preenchimento com ácido hialurônico é temporário e é recomendado que seja refeito depois de 1 ano. Dependendo da região ele pode durar mais (eu não pretendo refazer tão cedo).

Contei nesse post aqui que fiz o procedimento no final de setembro, minha médica deixou uma sobra e retoquei cerca de 1 mês depois (porque nem sempre no primeiro dia dá o efeito desejado, e se ficar com volume marcado, dá para disfarçar colocando mais).

Antes e depois do preenchimento nas olheiras

Fiz uma nova colagem com o antes, o depois, e agora, após  mais 1 ano, para que vejam os resultados:

Quanto custa o preenchimento

Muitas pessoas perguntam o valor da aplicação. Diferente do botox que você paga o quanto usa (o profissional puxa na seringa quanto precisa), esse produto já vem com o aplicador, então não é possível “dividir” com ninguém. Ou usa, ou joga fora. Pelo menos o que a minha dermatologista usa é assim, não sei se existem diferentes marcas no mercado.

Eu, Ana, particularmente não consigo confiar meu rosto a qualquer pessoa. Confio demais na minha dermatologista e ela também não gosta de nada exagerado, por isso coloquei e deixei com um efeito natural. Não mexi em lábios ou nenhuma outra área que não me incomodava.

O valor pode variar muito de profissional para profissional. A aplicação do preenchimento com a Dra Daniela (Clinica Leal) (Harmonização Facial pela técnica de MD Codes) saiu por cerca de R$1600,00.

Todas as outras informações (se dói, se fica inchado, se fica roxo) tem no post de quando coloquei.

Bjsss

Sobre Aninha

Mãe de um trio de meninas: Bruna (6), Clara (4) e Alice (2). Dedico meu tempo à minha família e ao LookBebê. Antenada, adoro redes sociais e tecnologia e mais ainda, compartilhar conhecimento e informações sobre a maternidade.
Sou (fui) Biomédica, pós-graduada em Engenharia Biomédica, mas optei por mergulhar de cabeça na maternidade.