Blog sobre gravidez, maternidade e família.

Saiba como organizar a mala da maternidade

Posted by on mai 28, 2012 in Destaques, Enxoval, Gravidez, Maternidade, Saúde | Comentários

Saiba como organizar a mala da maternidade

O post de hoje foi um pedido de uma leitora através do facebook.

Já fiz um post com o Check-list de todos os itens que podem vir a ser necessários na mala da maternidade (para o bebê, a mamãe e o papai), mas como devemos organizar a mala do bebê?

Primeiro: todas as roupinhas do bebê devem ser lavadas com sabão próprio e depois passadas a ferro para “esterilizar”.

Isso você aprende com a mãe/sogra/avó/comadre. hehehe

O sabão pode ser de coco ou outros neutros. Eu sempre usei o Ola Bebê (e só ele)… O cheirinho é uma delícia. Roupa de bebê não precisa de amaciante, viu?! O Ola deixa super macio.

Nos móveis (antes de guardar as roupas lavadas), um pano umedecido com álcool é suficiente para limpar a  superfície de prateleiras e gavetas, e deve ser feito principalmente se houver animal de estimação em casa.
As roupinhas que vão para a maternidade devem ser separadas por dia (ou vez) de uso, em sacos individuais, identificados com nome do bebê e o dia.
Existem sacos próprios para mala da maternidade, com detalhes de fita ou renda, ou mais simples. Podem ser de organza, tule, plástico ou tecido.
As maternidades geralmente pedem:
  • 6 Bodys ou camisas “pagão” (Sugiro body com golinha bordada que fica um charme)
  • 6 Calças “mijão” (com pezinho)
  • 6 Macacões ou conjuntinhos de roupa
  • 6 Meinhas
  • 2 Pares de luvas
  • 2 Casaquinhos de lã
  • 2 Sapatinhos de lã (eu não usei pois as roupas tinham pézinho e outras eram macacões)
  • 2 Mantas
  • 2 vira-mantas ou cueiros (Caso a manta seja de lã ou algum tecido que possa incomodar o bebê. Não se usa mais, mas as avós adoram!!!! rsrsr)
  • 1 Gorro
  • 6 Fraldinhas de boca
  • Fraldas para o colo para arrotar o bebê e/ou para visitas que vão pegar o bebê no colo
  • Sugiro também 1 lençol de carrinho, dica da prima e comadre Ru, para colocar no bercinho do hospital (assim não fica aquele lençol feio cheio de escritos com o nome do hospital em todas as fotos) ;)

Você deve montar o Kit de roupas completo para a troca em cada saco (incluindo laços, meias e acessórios).

Foto improvisada pra vocês, faltando alguns itens… heheh
*
Você deve estar pensando que 6 trocas é um exagero não é mesmo? Eu também achei e a Bru só usou 3 delas, mas nunca sabemos se o bebê vai regurgitar, vomitar restos do parto, então é bom estar preparada. Levei 3 roupas mais bonitinhas e 3 mais básicas como macacões de algodão, para caso fosse necessária a troca.
Obs: essa troca é suficiente para uma internação de cesariana de 3 dias. Em cidades do interior ou hospitais em que a internacão é de menor tempo, não é necessária essa quantidade de itens.
*
Os sacos organizadores de roupas geralmente são vendidos individualmente, mas existem lojas que vendem o Kit com 6, já numerados como a Iroma Baby por 120 Reais (foto esq. ) e artesãs que fazem 0s saquinhos personalizados com o tema escolhido (20 reais cada) (Contato Foto dir.)

*

Caso você opte por comprar separado, o que provavelmente sairá mais em conta, você pode etiquetar os sacos com nome do bebê e o dia da troca. Minha irmã imprimiu etiquetas translúcidas e identificou cada troca.
A artesã Solange Santos por exemplo vende os sacos de tule a R$3,50 cada e a Ciça Braga Baby 4 Reais cada.
Eu preferi comprar os sacos separados (na verdade ganhei!!!) e grandes. Assim toda a troca cabia em um só saco, não sendo necessário separar a manta da roupa e outros itens.

Cada maternidade tem uma postura em relação ao fornecimento de fraldas para o Bebê e absorvente para a mamãe. Essa informação deve ser checada antes. Eu não precisei levar fraldas, pois o hospital fornecia.
A pomada que previne assaduras não é necessária nos primeiros dias de vida do bebê. Algodão ou gaze o hospital fornece.
***
Nas pesquisas que fiz também achei a loja Cary, que tem loja física na R. Augusta em SP, que tem todos os modelos de sacos: Organza, tule, plástico…. lisa ou com renda.
Obs: Fiz uma pesquisa no Google, mas não conheço nenhum dos fornecedores citados no post.
***
E se você estiver se perguntando: Mas e a mala???
Bom, eu não comprei a famosa “mala do bebê”. Guardei os saquinhos organizados em uma mala de mão convencional. Geralmente a mala fica no quarto coma mamãe e a enfermeira pede a “troca do dia” horas antes do banho, por isso é tão importante a organização em sacos individuais. Você já entrega a troca toda pronta.
Boa sorte!!!!!

Comentários

  1. Adorei!
    Preciso fazer minha mala mas estou com um certo medinho, tenho que confessar ahahahhahahhaha
    Os sacos individuais eu já comprei, até porque o Marido com certeza não vai saber a ordem das roupas e pode muito bem dar a saída da maternidade pro primeiro dia!
    Beijos
    Mãe Dipa

  2. Aline Rezende disse:

    Eu não coloquei em saquinhos individuais mas, separei e dobrei a troca juntinho. E só levei três mesmo. O hospital não era longe de casa e seria fácil alguém buscar algo se precisasse. E realmente é uma mão na roda estar tudo separado, é uma coisa a menos pra “pensar” e menos dor de cabeça no pós parto. =]
    Ótimo post.
    Beijo