10 comments

Oiiii queridos..

Como todo assunto que envolve o bebê, acredito que esse também será polêmico… quero dizer, com opiniões divergentes.

Quando é a hora de furar a orelhinha do bebê?

Bom, quando a Bruna nasceu eu não tinha muita referência. Soube que não se furava mais em hospitais e uma amiga disse que chamou a enfermeira em casa depois de alguns dias e ela furou a orelhinha da filha dela.

Também ouvi muito falar de que quanto menor (idade) é o bebê, menos dor ele sente.

Quando

Pesquisando para o post, li no BabyCenter que a dor é a mesma do bebê de 1 ou de 3 meses. Já quando a criança cresce fica mais sensível a dor. A filha mais velha de uma amiga achou que doeu tanto que não deixou furar o outro lado; ela usa um só brinco. A mais novinha furou ainda bebê e não teve problemas. heheh

“Furei” a orelhinha da Bru quando ela tinha apenas 8 dias e foi ótimo. Ela não chorou, não sofreu (pelo menos não parecia). Conversando com a pediatra dela depois, a recomendação é que só fure a orelhinha depois de no mínimo um mês de vida do bebê.

Já outros médicos preferem até  depois dos dois meses pois o bebê já tomou as primeiras doses de vacina e o bebê está um pouco mais protegido.

Quem

Bom, como eu disse acima, nos hospitais é proibido. Pode ser feito por farmacêuticos, pediatras e enfermeiros treinados e qualificados.

No caso das enfermeiras, eu sei que fazem serviços domiciliares. Algumas delas são também acupunturistas. Dizem que é muito importante esse conhecimento para que o furo do brinco não atinja pontos de acupuntura.

Como e Onde

O ideal é que o furo seja feito com o próprio brinco da bebê, de ouro e esterilizado. As mãos da profissional também devem ser devidamente higienizadas. Geralmente faz-se essa assepsia com álcool 70%.

A enfermeira marca na orelhinha da bebê e te mostra para ver se você está de acordo e acha que está centralizado. Depois do Ok, só mais um minutinho e sua princesa está de brincos.


Já nas farmácias os furos devem ser obrigatoriamente feitos com os brincos vendidos no local por ser comprovada a esterilidade (mas são bijuterias) e é feito com o auxílio da pistola (e dizem as más línguas que dói muito mais. hehehe)

Como cuidar

A limpeza deve ser feita com álcool 70% e cotonetes (como fazemos com o umbigo), todos os dias, durante 1 mês. Depois da limpeza o brinco deve ser girado algumas vezes.

A higiene das mãos é muito importante.

O brinco só deve ser trocado após esse período.

Bjosssssssss

Ahhh! Foi nesse dia que ela experimentou a tal da chupeta! kkkkk Quando a enfermeira pediu meu marido fez uma cara de “Nãoooo, eu não queria dar chupeta!!”. kkkkkk


 

 

Sobre Aninha

Mãe de um trio de meninas: Bruna (5), Clara (3) e Alice (1). Dedico meu tempo à minha família e ao LookBebê. Antenada, adoro redes sociais e tecnologia e mais ainda, compartilhar conhecimento e informações sobre a maternidade. Sou (fui) Biomédica, pós-graduada em Engenharia Biomédica, mas optei por mergulhar de cabeça na maternidade.